10 dicas para escalar um site WordPress quando o tráfego sobe

Escalonar site em WordPress - 2WP

10 dicas para escalar um site WordPress quando o tráfego sobe

Você nunca sabe o que pode desencadear um aumento no tráfego. Não apenas um aumento temporária, mas um fluxo constante de volumes de tráfego mais elevados do que o habitual. Para um blog ou site de notícias, um post viral pode provocar esse aumento.

Para um site de comércio eletrônico, pode ser uma crítica de um site de avaliação de produtos ou uma recomendação de uma celebridade. Para um site de negócios, talvez tenham comentado sobre o excelente trabalho feito para um conjunto de clientes locais.

Seja o que for que dê à sua marca e ao seu site um grande impulso, ele precisa ser capaz de lidar com o aumento do tráfego. Além disso, sustentá-lo. Se apenas alguns segundos de tempo de espera podem custar-lhe alguns visitantes impacientes, imagine uma interrupção do site todo? Basta olhar para o seu analytics e ver o que as tendências dizem sobre quantos novos visitantes e vendas você pode perder para cada hora em que seu site permanece indisponível.

Se o seu site está decolando, é hora de começar a dimensionar o seu site WordPress para se preparar para o aumento do tráfego. Este guia irá mostrar-lhe como fazer isso através de performance aprimorada, melhora na segurança e na experiência do usuário no site em geral.

10 dicas para escalar um site WordPress quando o tráfego sobe

Vamos ser honestos, este é o sonho do desenvolvedor de todos os sites e do WordPress: seu site ser um grande sucesso com fãs satisfeitos que navegam constantemente nele.

Mas a quebra de seu site não receberá o mesmo tipo de notoriedade ou recepção positiva como um site de notícias ou moda que quebra por causa da popularidade de uma publicação ou filmagem de celebridades. Um site quebrado, um site lento, um servidor temporizado,  não é bom para os negócios e definitivamente não é bom para a reputação da marca.

Claro, você esperaria que usando o WordPress, isso não seria um problema com o qual você teria que lidar. Enquanto o WordPress é capaz de gerenciar altos volumes de tráfego, tudo ao seu redor precisa ser configurado corretamente para lidar com esse tráfego. Há uma série de coisas que podem comprometer todo o incrível tráfego que chega ao seu site, que você precisa ter cuidado com o monitoramento e gerenciamento.

A fim de lidar com grandes aumentos no tráfego e manter o entusiasmo do visitante alto, o seu site WordPress deve escalar ou estar pronto para escalar em um momento de aviso prévio. Aqui estão 10 dicas que irão ajudá-lo a dimensionar seu site do WordPress e evitar que ele seja amassado sob a pressão de grandes volumes de tráfego:

1. Obter um Plano de Hospedagem com Escalonamento Vertical

O dimensionamento vertical. Quando se trata de servidores web, normalmente se refere a provedores de hospedagem que oferecem planos em camadas que os clientes podem atualizar facilmente. Conforme as necessidades mudam. Se você está nervoso que seu host atual não será capaz de lidar com o tráfego crescente. Verifique os recursos atualmente disponíveis no seu plano.

A largura de banda, o armazenamento ou mesmo os limites da quantidade de visitantes manterão o seu site com confiança no tráfego? Em caso afirmativo, explore suas outras opções do plano de hospedagem. Se aqueles não fizerem o truque, pode ser que você precise de um novo tipo de hospedagem. Embora a hospedagem compartilhada seja excelente para começar, mais tráfego significa que você precisa de mais acesso aos recursos do servidor. Apenas algo como hospedagem VPS ou um servidor dedicado pode ajudar com isso.

2. Obter um Plano de Hospedagem com Escalonamento Horizontal

Uma vez que o tráfego do seu site está realmente crescendo, você pode achar que o escalonamento vertical através de planos de hospedagem simplesmente não é suficiente, especialmente se um dia o seu tráfego é alto e, depois, está fora de controle. Neste caso, você vai querer olhar para o escalonamento horizontal.

Ao contrário do escalonamento vertical, que mantém todo o seu site em um único servidor, o escalonamento horizontal o separa em várias camadas. O WordPress recomenda o uso de uma arquitetura orientada a serviços para criar isso. Basicamente, você separará seu servidor de front-end, servidor de banco de dados, camada de proxy e camada de imagem. Isso tornará mais fácil o escalonamento de recursos para as partes do backend que realmente precisam disso.

3. Use SSD Drives

Você sabe o tipo de armazenamento que o seu plano de hospedagem web usa? Se você estiver atualmente em um com HDD, ou unidades de disco rígido, então é um problema. SSD, ou unidades de estado sólido, são inerentemente mais confiáveis, seguras e rápidas do que suas contrapartes HDD.

4. Revise as versões da plataforma

Você sabe o quão importante é manter seu software WordPress atualizado. O mesmo vale para a tecnologia do servidor e para cada uma das plataformas que funcionam nela. Então, se é Apache, Linux, PHP, MySQL ou qualquer outra plataforma em que você confia para gerenciar corretamente seu site, certifique-se de que seu host é executado e é compatível com as versões estáveis ​​mais recentes para cada um.

5. Obter Servidor WordPress gerenciado

Se tudo isso parece ser muito trabalho para você, reduzindo os recursos, gerenciando a configuração do servidor. Então você pode querer descarregar o trabalho para um profissional dedicado. Os serviços gerenciados de hospedagem do WordPress são sempre uma opção viável. Embora custe mais do que um plano de hospedagem padrão, os provedores de hospedagem gerenciados do WordPress ajudam a aliviar as pressões de dimensionar um site do WordPress, ao mesmo tempo em que observam atentamente a segurança e o desempenho.

6. Coloque Limites no MySQL

Mesmo que você possa armazenar muitos dados no MySQL, você precisa ter muito cuidado com a forma como o faz, uma vez que o excesso de extensão de seus limites pode comprometer a velocidade do site. Primeiramente, efetue um cap nas consultas de carregamento automático. 200 é um bom limite para trabalhar. Além disso, esteja atento à sua tabela de opções. Cada coluna da tabela pode conter até 4 GB no maximo. Mas focar repetidamente nesse limite máximo pode prejudicar o desempenho do seu site.nteligente sobre como gerenciar o desempenho do MySQL também. Este artigo da InfoWorld irá apontar você na direção certa.

7. Ajuste o MySQL/MariaDB

O WordPress sugere fazer ajustes nas configurações do MySQL e MariaDB para ajudar a aliviar a tensão provocada pelo alto tráfego e os pedidos de banco de dados resultantes que dele resultam. Especificamente, a indexação do MySQL e o cache de consultas são recomendados.

Você também pode baixar o plugin do HyperDB do WordPress. Isso ajudará na configuração de seus bancos de dados, otimizando-os para o melhor desempenho.

8. Use um plug-in de cache e otimização

Tudo o que você pode fazer para minimizar as solicitações do servidor HTTPS em seu site é ideal. Ao fazê-lo, você reduz o número de arquivos que são transmitidos entre o servidor e os visitantes, mantendo baixos os tempos de carregamento mesmo quando o tráfego aumenta.

9. Adicionar um CDN ao seu servidor

A tecnologia CDN é uma ótima coisa para ter quando você quer velocidades incrivelmente rápidas para o seu site WordPress. Dito isto, quando você procura especificamente a escala – especialmente se o tráfego vem de todo o mundo -. Então, um CDN é uma necessidade absoluta, pois reduzirá a distância entre o servidor e os navegadores dos visitantes.

10. Amp Up Hosting Security

A segurança também desempenha um papel importante ao dimensionar um site WordPress, pois mais tráfego significa mais ameaças potenciais que você deve observar.

Então, a primeira coisa que você deve fazer é trabalhar com seu host para obter seu servidor no bloqueio de segurança. Isso inclui:

  • Armazenamento em cache de servidor
  • CDN do lado do servidor
  • Firewall
  • Monitoramento e gerenciamento de segurança (especialmente para DDoS)

Resumo

Este é um momento emocionante para o seu site WordPress. Para preservar esses volumes maiores, você precisa garantir que os visitantes confiem em você para fornecer uma experiência de alta qualidade em todos os momentos. Para fazer isso, você precisa escalar seu site ao lado deste tráfego para garantir uma experiência verdadeiramente otimizada em termos de segurança, desempenho e muito mais!

2018-07-09T17:02:35+00:00

Sobre o Autor:

Fundador da 2WP - Empreendedor de internet com carreira desenvolvida em diversos segmentos do mercado, MBA em gestão e estratégia em comércio eletrônico, sólida experiência em marketing e especialista em WordPress.